AVISO AOS LEITORES
EM FUNÇÃO DO BLOG ESTAR DESATIVADO, 
A APROVAÇÃO DE COMENTÁRIOS PODE DEMORAR ALGUNS DIAS.
CLIQUE AQUI PARA LER O COMUNICADO DE SUSPENSÃO DAS ATIVIDADES DO BLOG.


VISITE NOSSO NOVO PROJETO:
BLOG RADAR DO LADO B
radarladob.blogspot.com

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

A Tradicional Família Brasileira


Hoje em dia, a sociedade se demonstra em franca decadência, muito em função do corrompimento da instituição familiar. Hoje em dia as famílias não se mostram sólidas; cada membro vive em seu mundo particular.

Vamos  então relembrar como era a rotina da tradicional família brasileira há 50 anos atrás; rotina essa que fortalecia os laços familiares e a manutenção da unidade da casa.

5:45 - Despertam o Patriarca, a Matriarca e a Empregada da Residência para as abluções matinais.

6:15 - A Matriarca, uma vez que já realizou suas abluções, desperta as crianças para que estas realizem suas abluções e, em seguida, se dirige à cozinha para supervisionar o preparo do café da manhã. O Patriarca vai à rua comprar pães, queijos, leite e o jornal do dia.

7:00 - Toda a família está sentada à mesa para tomar o café da manhã.

7:15 - As crianças saem de casa para se dirigir à escola. O Patriarca senta-se em sua poltrona para fumar e ler seu jornal. A Empregada tira a mesa do café da manhã sob a supervisão da Matriarca, e, em seguida, ambas fazem uma inspeção geral na cozinha para verificar se é necessário comprar mantimentos.

7:45 - O Patriarca sai de casa rumo ao trabalho. A Matriarca, de posse de lista dos mantimentos que precisam ser comprados, vai ao mercado.

8:30 - A Matriarca retorna à casa, juntamente com o auxiliar do mercado que vem carregando as compras. A Empregada estoca os mantimentos e começa a preparar o almoço, sob a supervisão da Matriarca.

11:00 - O Patriarca e as crianças estão de volta à residência para o almoço. Todos se sentam à mesa para a refeição.

12:05 - O Patriarca retorna ao trabalho e as crianças vão se dedicar às obrigações escolares e/ou ás brincadeiras pueris. A Matriarca fica com parte da tarde livre, que pode ser dedicada à visita de comadres, ao tricô e ao crochê, à leitura, às radionovelas, ou outras atividades.

15:00 - É servido o café da tarde para os presentes na residência. Café ou suco, pão com queijos e biscoitos estão à disposição dos comensais.

15:30 - A Empregada começa a preparar o jantar, sob supervisão da Matriarca.

17:00 - A Matriarca e as crianças iniciam suas abluções vespertinas a fim de se preparar para recepcionar o Patriarca em seu retorno ao lar.

17:45 - O Patriarca chega em casa e é recepcionado por sua família.

18:00 - Toda a família se senta à mesa para o jantar.

18:45 - Findo o jantar, a família se dirige à sala, enquanto a empregada tira a mesa.

19:00 - Com o rádio ligado, a família começa a ouvir atentamente a Voz do Brasil.

20:00 - Dependendo do dia, ou a família continua a ouvir a programação do rádio, ou se detém em conversas sobre assuntos cotidianos. As crianças aproveitam para desempenhar suas atividades pueris.

21:30 - É servido o café da noite. Uma refeição bem leve, servindo tão somente para que o familiar coma alguma coisa antes de dormir.

22:00 - Toda a família está instalada em seus leitos.

É evidente que a Empregada não tomava assento à mesa junto com a família - resquício de uma mentalidade do tipo Tia Nastácia. Notar também que o cronograma acima denota a rotina familiar durante dias da semana. 

Nos domingos, por exemplo, era notória a influência do serviço religioso no dia da família. Geralmente, a tradicional família brasileira assistia à missa pela manhã e, não raro, almoçava em restaurantes ou na casa de parentes, em grandes almoços familiares de domingo.

Em dias festivos, como Natal e Ano Novo, havia também o consumo da ceia - refeição completa servida à meia-noite em ponto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...